3 de maio de 2015

HOJE NAS IGREJAS EVANGÉLICAS


Há uma multidão seguindo falsos ensinos, debaixo de dominadores espirituais, crendo em mentiras, abraçando uma falsa fé, que denominaram de evangelho, usando e abusando do santo nome e a verdade de Jesus Cristo, o Senhor.
O apóstolo Paulo, diria hoje, estando presente, mas continua dizendo porque a Palavra continua viva e, também digo, conforme a mesma Palavra, sejam anátemas, malditas, essas pregações e ensinos.
A reforma protestante foi desencadeada dentro do catolicismo romano, ou seja, se eles, que são considerados idólatras e contra a verdade bíblica, reagiram indignados, os que se dizem evangélicos e conhecedores da verdade de Cristo, como se posicionam diante dessas blasfêmias evangélicas?
Certamente, os apóstolos do Cordeiro jamais entrariam e participariam dessas congregações e, eles, sim, são considerados e denominados como sustentadores da doutrina de Cristo.

E nós? Quem devemos seguir?

Há uma Palavra de Deus que está clamando e chamando para olhar para ela. Meditar nela. Questionar os mentirosos. Sair de onde há corrupção e espíritos enganadores. Isso é o que a Bíblia diz para fazer. 

Silêncio é para covardes e adoradores de homens e demônios.


Este post faz parte de uma série de postagens que pretendo publicar neste blog, para abençoar a sua  vida, assim como a minha tem sido abençoada, com a leitura do livro IDOLATRIA EVANGÉLICA do irmão Sergio Luiz Brandão, do qual o texto foi retirado e que você poderá também ler na íntegra no site: WWW.blues.lord.nom.br

Nenhum comentário: