segunda-feira, maio 11

LIVRO DO PROFETA MALAQUIAS

Malaquias 3:7 – 12 “ Desde os dias de vossos pais vos desviastes dos meus estatutos, e não os guardastes; tornai vós para mim, e eu tornarei para vós, diz o Senhor dos Exércitos; mas vós dizeis: Em que havemos de tornar? Roubará o homem a Deus? Todavia vós me roubais, e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas alçadas. Com maldição sois amaldiçoados, porque me roubais a mim, vós, toda a nação. Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento em minha casa, e depois fazei prova de mim, diz o Senhor dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma benção tal, que dela vos advenha a maior abastança. E por causa de vós repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; e a vide no campo vos não será estéril, diz o Senhor dos Exércitos. E todas as nações vos chamarão bem-aventurados, porque vós sereis uma terra deleitosa, diz o Senhor dos Exércitos."

O livro do profeta Malaquias, interpretando pelo espírito do homem natural, pela interpretação na letra, está se referindo aos itens materiais que Deus disse para entregar como dízimos.

O livro do profeta Malaquias, interpretando pelo Espírito Santo, pela interpretação revelada, está se referindo ao que é eterno, e pertence a Deus.

Perguntas:

Deus está preocupado com dinheiro ou com almas?

Deus está preocupado com a sua Casa cheia de dinheiro e mantimento natural ou uma Casa cheia de filhos, os santos e dons?

A assistência material que se faz aos santos e ao sustento para a obra de Deus, são distintos desse engano doutrinário. Por isso, a lei do Velho Testamento, são Sombras das Coisas Futuras ou Sombras dos Bens Futuros.
( Hebreus 10:1; Colossenses 2:17 ). O breve trecho do texto que vimos acima do livro do profeta Malaquias fala das consequências em não entregar o que é de Deus.

Perguntas:

O que é de Deus? Dinheiro ou alma (filhos de Deus)?

O dinheiro pertence e exalta os filhos de Deus ou os filhos deste mundo?

A Casa de Deus é rica em dinheiro com as vaidades da carne ou rica da glória de Deus?

A glória de Deus é o céu, a glória de Satanás é este mundo. 

Deus não precisa e nem é exaltado pelo dinheiro, senão, a Palavra de Deus é uma mentira e Jesus Cristo ensinou falsidade e falsa modéstia. 
Outra frase conhecida diz: “Entregue o que é de Deus ”. Ou seja, esse dinheiro pertence a Deus, não é seu. Se sou, verdadeiramente convertido e, fui ensinado conforme a interpretação verdadeira da Palavra de Deus, sei que, nada neste mundo, neste reino, me pertence, e, muito menos a Deus, pois, este mundo jaz no maligno e já está condenado para ser totalmente destruído. 

Ou enganaram você dizendo que aqui será o paraíso?

Evangelho de João 12:36, Jesus diz: 
“ Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo; se o meu reino fosse deste mundo, pelejariam os meus servos, para que eu não fosse entregue aos judeus; mas agora o meu reino não é daqui."
Sei, também, que sou peregrino em terra estranha, ou seja, este mundo tem um principado e eu não pertenço a este mundo, sou filho de Deus e meu reino é o reino de Deus. 




Este post faz parte de uma série de postagens que pretendo publicar neste blog, para abençoar a sua  vida, assim como a minha tem sido abençoada, com a leitura do livro IDOLATRIA EVANGÉLICA do irmão Sergio Luiz Brandão, do qual o texto foi retirado e que você poderá também ler na íntegra no site: WWW.blues.lord.nom.br

Nenhum comentário: