segunda-feira, novembro 9

NA FORÇA DO SENHOR

O dia terminou com um pesado aguaceiro. As plantas do meu jardim foram encurvadas pela força da chuva. Uma flor de que eu gostava muito e havia admirado por sua beleza e perfume, lá estava exposta ao temporal. Sua haste encurvou-se. A flor pendeu-se. Cerrou as pétalas. Vi o fim da sua glória. E pensei: "Tenho de esperar um ano inteiro para ver outra beleza igual."

A noite passou e veio a manhã; novamente o sol; e o ar da manhã trouxe novas forças à flor. A luz olhou para ela e ela olhou para a luz. Houve contato e comunhão, e energia passou para a flor. Ela ergueu a cabeça, abriu as pétalas, retomou a sua glória e apareceu mais bela do que antes. Fico pensando como se terá passado isso - aquela coisa fraca, entrando em contato com a forte, ganhando força!

Eu não sei dizer como é que através da comunhão com Deus eu posso receber dentro de mim o poder de fazer coisas e de suportar coisas, mas sei que é um fato.

Você está em perigo, através de alguma provação pesada e esmagadora? Busque essa comunhão com o Senhor, e receberá força; e sera capaz de vencer. "Eu te fortaleço."



Do livro: Mananciais no Deserto.

Nenhum comentário: